Brócolis e cúrcuma evitam os efeitos cancerígenos da poluição. Bem Estar falou sobre novos tratamentos contra o câncer. Perder os cabelos durante a quimioterapia era quase um fato. Só que hoje o tratamento está mudando, as consequências estão menos agressivas e o diagnóstico está mais rápido. A touca gelada impede que os cabelos caiam durante a quimio. Isso porque a temperatura de 16 graus faz com que os vasos sanguíneos se contraiam. Com espaços mais estreitos, a quantidade de medicação que chega até a raiz do cabelo é menor.

O tratamento é indicado para vários tipos de câncer. "A touca pode ser utilizada tanto para homens quanto para mulheres. Não é só para o câncer de mama, mas para outros tipos de tumor. Só evitamos usar em pacientes que têm, por exemplo, linfoma, leucemia, que são cânceres da corrente sanguínea", explica o oncologista Marcelo Cruz.

Entre as novas descobertas, estão os alimentos que podem ajudar na prevenção do câncer: brócolis e cúrcuma, por exemplo. Segundo o doutor Buzaid, estudos feitos em cidades poluídas da China demonstraram que o brócolis, na dose de ½ xícara de brotos, ajuda na excreção de poluentes em aproximadamente 60%. Alguns estudos mostram também que a cúrcuma pode estar relacionada à diminuição do câncer. Ela é um alimento que tem vários efeitos como anti-inflamatório, antiangiogênico, e inibe vias que mantêm as células cancerosas proliferando.

Evolução no tratamento

De acordo com o doutor Maluf, são muitas as evoluções no tratamento nos últimos 10, 15 anos. Os avanços tecnológicos fizeram com que as taxas de cura aumentassem em pelo menos 20%, 30% nesse período. Técnicas de radioterapia focam no tumor, poupando tecidos normais. Além disso, as técnicas cirurgias são menos radicais em alguns tumores, como mama e rim.

Fonte: G1