Com a consolidação do Brasil dentre as maiores economias do mundo, é natural que a aviação como um todo cresça de modo vertiginoso. Com o aumento do tráfego aéreo, aumenta a probabilidade de acidentes aeronáuticos. Em que pese haver no Brasil um órgão responsável pela investigação de acidentes aeronáuticos, o Centro de Investigações e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos - CENIPA - sua missão é exclusivamente administrativa, objetivando a prevenção de novos desastres.

Desse modo, continuam competentes para produzir a prova técnica nos casos de perdas de vidas humanas os peritos criminais das Polícias Científicas ou órgãos análogos, uma vez que, até que se façam as devidas apurações, não se pode desprezar a possibilidade de eventual infração penal, culposa ou até mesmo dolosa como causa ou como fator da queda da aeronave.

Trecho reproduzido de trabalho científico do Perito Criminal Ricardo Matos, com adaptações.